Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



EDWARD STEICHEN, O FOTÓGRAFO DAS PRIMEIRAS DIVAS DA MODA

por LA DIVA, em 30.10.14

steichen.jpg

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

 

Quando, na fotografia de moda, identificamos glamour e sonho, estamos nelas a reconhecer ainda a intemporalidade da marca do primeiro fotógrafo de moda, Edward STEICHEN. A história de vida deste fotógrafo não é única nas artes, nem tão pouco num país que, como os EUA, é o maior exportador de sonhos do mundo.

Por detrás das narrativas de sucesso de cada artista nos EUA, há sempre uma história de imigração. Mas, ao contrário do que se pensa, as suas raízes não se fixam em terra, no solo estrangeiro que pisaram pela primeira vez. Enraízam na matéria dos sonhos e, para o bem e para o mal, é por meio deles que daí migram para todos os cantos da imaginação de cada um(a) de nós.

Edward STEICHEN exemplifica na perfeição esta narrativa dourada do sonho americano, que continua ainda hoje a assombrar-nos. Em 1923, depois de abandonar a fotografia artística, e sem adotar a perspetiva em voga da fotografia como documento, Steichen abraça uma nova linguagem: a fotografia comercial.

A partir daí, e durante quase vinte anos, enquanto diretor de fotografia das publicações Condé Nash, e fotógrafo das estrelas de cinema e da moda, Steichen cria e recria, vezes sem conta, o ideal do luxo e do glamour. Os modelos, de Coco Chanel a Charlin Chaplin, de Gloria Swason a Marlene Dietrich, passando pelas figuras emergentes da moda dos loucos anos 1920, convertem-se em ideias de beleza estampados em revistas brilhantes e sedutoras como a VOGUE ou a VANITY FAIR.

São algumas destas fotografias icónicas, que fizeram as capas glamorosas e preencheram as páginas destas revistas de moda, entre os anos 1923-1937, e que pertencem ao arquivo das Condé Nast, que estão agora em exposição, na Photographers’ Gallery, em Londres, entre 31 de outubro de 2014 e 18 de janeiro de 2015, depois de já terem passado pela Austrália, o Luxemburgo ou Espanha.

 Aqui, deixo-vos algumas destas fotografias, todas publicadas por cortesia da Condé Nash Archive. Observem como hoje, em tantas das poses que, nos modelos de moda, identificamos com glamour e elegância, é ainda a linguagem fotográfica de Edward Steichen que nos olha de frente.

2.jpg

 

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

 

3.jpg

 

On George Baher's yacht 1928

gelatin silver photograph

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

 

4.jpg

 

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

 

5.jpg

 

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

 

6.jpg

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

 

7.jpg

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

 

8.jpg

Courtesy Condé Nast Archive

© 1928 Condé Nast Publications

Site Meter

publicado às 15:06



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D